MENSAGENS

 
 

  Aprendizagem   Ainda há muito por viver
  Abrindo porões 

  Alguém a tua espera

  Até onde a visão alcança      Caminhas só  

  Crês?   É mais que hora 
  Empedrecido    Escuta o clamor
  É tão fácil        Em busca do sonho
  Faça parte II   Faça de conta
  Hoje, amanhã e sempre   Imita a borboleta
  Já disse a você?   Levanta
  Meios e fim 

  Miragem futurista

  Meu canto chorou   Minha prece
  Morrerei assim   Motivos     
  Não espere tanto    Não permitas
  O tempo   O Exterminador

  Parando o tempo   Por um sorriso
  Pode ser e será    Quando você plantar 
  Quisera   Que faço, Senhor?
  Sempre gostarei de ti   Somos
  Simplicidade   Sê pai
  Sem medo de errar   Sempre jovem
  Se...

  Um peso, uma medida
  Vale a pena

  Vieses 

 

Quer enviar esta página?
Clique no Recomende.

 

 

 

 

 

 

Página reeeditada por Cleide Canton em 08 de setembro de 2013

  online