Página Poética de Cleide Canton
 

 


 
 


 

 

HOMENAGENS

 

 

O amigo se foi   Bodas
A Filha do Rei  Amigo, você é...
A sós, tu e eu Amigo de repente

Anil   Brotou 
Canta, Poeta Canto de um Deus 
Chão  Digo aos Mestres     

Enfrenta-me   Escuta-me
Entre rosas   Especialmente para você
Eu te vejo assim  Filho Ausente     
Homenagem a Nilson     Mãe, que linda és 
Mãe, minha mãe  Meu mundo e nada mais
Meu pai Minha gratidão
Muito mais dentro de ti No baile dos dezessete
Ofereço-te flores

Orquídeas  
Para sempre   Presença de mãe
Que encanto é esse? Quando mamãe chegar aos céus
Sorri, filho meu Treze verões de Andréa
Um sonho que se perdeu Você é importante

Você se lembra, mamãe? Vovó Nair

 

Quer enviar esta página?
Clique no Recomende.

 

 

 

 

 

Página reeditada por Cleide Canton em 07 de outubro de 2013

  online