Não te contentes em ser
tal qual o caramujo,
limitado nos milímetros de sua casca.
O teu espaço é infinito
a não ser que te depares
com o espaço do outro.
Respeite-o e serás respeitado.
Mas, no meu espaço,
há um lugar especial
esperando você você.

 

Cartão editado por Cleide Canton em 21/02/2006.

online